Confira as atrações do Terra da Gente deste sábado (18/01)


Um dos peixes mais antigos do mundo e aves “fantasmas”, no interior de São Paulo, são alguns dos destaques. Confira as aventuras do Terra da Gente de sábado (18/01)
Terra da Gente
TG 1069
No Terra da Gente deste sábado (18/11) você vai conferir a pescaria e o incrível comportamento de um dois peixes mais antigos do mundo: o aruanã. No quadro “Você no TG”, um funcionário da Unesp de Jaboticabal (SP) registra a fauna e a flora do campus.
Em Salesópolis (SP) vamos juntos em busca das “aves fantasmas”. Para registrá-las o desafio foi grande e a equipe precisou até se camuflar na mata. No quadro Gente da Terra conhecemos Filipe Ventura, guia e observador de aves que cresceu em contato com a floresta e incentiva crianças do Espírito Santo a conhecer e conservar os animais.
Na “Hora do Rancho” um prato que combina queijo coalho, mandioca e contrafilé traz um gostinho do Nordeste: é o trio ternura. O aruanã-prateado da Amazônia é um peixe esportivo que pode chegar até cinco quilos
Terra da Gente
Aruanã: peixe antigo e curioso
Você sabia que existe um peixe que habita a América do Sul há 170 milhões de anos? É o aruanã. Nas florestas alagadas da Amazônia encontramos um dos tipos da espécie, que é esportiva e rende boas fisgadas.
Além da pesca, registramos em detalhes um comportamento impressionante desse peixe: a espécie salta para fora da água para alcançar insetos que ficam perto de galhos. O Mauro Alves Santos que trabalha em uma universidade em Jaboticabal (SP) registra as belezas do campus
Mauro Alves Santos/ Terra da Gente
Diversidade no Campus
Dentro do campus da Unesp de Jaboticabal, interior de São Paulo, alunos, professores e funcionários muitas vezes não percebem a diversidade da fauna e floral do local. Mas conhecemos o assistente operacional Mauro Alves Santos, 57, que tem um olhar sensível e conseguiu capturar belíssimas fotos da natureza. Os cliques foram parar em exposições e calendários distribuídos pela universidade.
Nossa equipe conseguiu flagrar a espécie Inhambu-guaçu, que é considerada uma das “fantasminhas”
Terra da Gente
Fantasminhas
Como fotografar pássaros difíceis de encontrar e que fogem rápido ao perceber a presença humana? Acompanhamos um observador de aves que adora registrar essas espécies, conhecidas como ‘fantasminhas’. Perto da nascente do Rio Tietê, em Salesópolis (SP), instalamos câmeras em uma cabana camuflada e esperamos a aparição dos convidados ilustres.
Guia de aves ensina crianças a conhecer e conservar aves em uma comunidade quilombola.
Terra da Gente
Guia de aves em comunidade
Filipe Ventura aprendeu desde cedo a amar a natureza através das trilhas no meio da mata, atividade que praticava com o pai. A paixão tornou-se ainda maior quando descobriu que poderia utilizar a observação de aves para gerar renda, atuando como guia. Morador de uma comunidade quilombola no Espírito Santo, formada por descendentes de escravos, o jovem cativou as crianças para a prática. Hoje, ele ensina voluntariamente as novas gerações a admirar e cuidar da natureza por meio das aves. Prato para compartilhar lembra os sabores do Nordeste
Terra da Gente
Trio Ternura
A sugestão desse sábado é reunir os amigos e preparar uma receita simples, mas cheia de sabor: queijo coalho, mandioca e contrafilé garantem o sucesso do prato.

%d blogueiros gostam disto: