Emirados Árabes avaliam perdoar britânico condenado à perpétua

Audiência de Hedges durou menos de cinco minutos

Audiência de Hedges durou menos de cinco minutos Steve Crisp/Reuters – 21.11.2018

Os Emirados Árabes Unidos dizem estar considerando perdoar o acadêmico britânico Matthew Hedges, condenado à prisão perpétua no país na última quarta-feira (21) por espionar para o governo do Reino Unido. As informações são da rede de notícias CNN.

Em comunicado divulgado nesta sexta-feira (23), o embaixador do Reino Unido para os Emirados Árabes, Sulaiman Hamid Almazroui, afirmou que as autoridades árabes estavam avaliando o pedido de perdão requisitado pela família de Hedges — cuja audiência durou menos de cinco minutos sem a presença de um advogado de defesa. 

Hedges, doutorando de 31 anos da Universidade de Durham, está detido no país desde o dia 5 de maio, quando foi preso no Aeroporto Internacional de Dubai ao final de uma visita de pesquisa de duas semanas. As provas apresentadas contra ele consistiam em notas de seu estudo de dissertação, relatou sua família.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: