Guaxinim gordinho preso em bueiro vira caso de emergência nos EUA

Um guaxinim preso em um bueiro na cidade de Newton, em Massachussets (EUA), virou um caso de emergência para os bombeiros locais nesta quinta-feira (1)

Acompanhe o noticiário internacional do portal R7

*Estagiária do R7 sob supervisão de Cristina Charão

A brigada juntamente com socorristas passaram duas horas tentando tirar o animal rechonchudo das grades da tampa do boeiro

Um ciclista que passava pela região a caminho do trabalho avistou o animal e ligou para o corpo de bombeiros da cidade, que inicialmente enviou quatro oficiais para o local

Os bombeiros publicaram as fotos do guaxinim com a cabeça presa e as patas segurando as grades da tampa para se sustentar na conta oficial do Twitter

O tenente do corpo de bombeiros de Newton, Phil McCully, afirmou ao jornal NBC News, que os bombeiros tentaram lubrificar a cabeça do animal com água e sabão para que ele ‘escapasse’, mas não funcionou embora este método ‘funcione em 90% dos casos’ segundo McCully  

Sendo assim, os bombeiros tiraram a tampa do boeiro com a esperança de que o guaxinim tivesse força para se libertar — o que também não aconteceu

Muitas outras tentativas do corpo de bombeiros, que neste ponto da operação já contava com 10 bombeiros no local para ajudar o animal, foram em vão. Então, um veterinário local foi chamado para sedar o guaxinim rechonchudo e assim, conseguir libertá-lo. ‘Nós resgatamos os cidadãos grandes e pequenos!’, afirmou a brigada em uma publicação do Twitter

Esta não foi a primeira vez que um animal gordinho preso no bueiro mobilizou as autoridades. Em fevereiro de 2019, uma ratinha gorda precisou da ajuda dos bombeiros alemães para sair da tampa de um boeiro em Bensheim, no sudoeste do país. Ela tinha engordado no inverno e ficado presa pelo quadril, segundo o especialista em salvamento animal, Michael Sehr. ‘Não tinha como sair ou voltar’

O outro caso de um animal preso no boeiro aconteceu em Dortmund, uma cidade alemã, em junho de 2019. Um esquilo ficou com a cabeça entalada e precisou ser sedado para que os bombeiros pudessem ajudar

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: