Israel ataca alvos do Hamas na Faixa de Gaza em resposta a disparos

Faixa de Gaza

Faixa de Gaza REUTERS/Ibraheem Abu Mustafa – 02.11.2019

Aviões de guerra israelenses bombardearam hoje (15), na Faixa de Gaza, alvos militares do movimento islâmico Hamas em resposta ao disparo de quatro foguetes do enclave, como confirmaram fontes de grupos de segurança palestinos à Agência Efe.

Testemunhas disseram à Efe que foram registradas múltiplas explosões no norte da cidade de Gaza depois que aviões de guerra israelenses bombardearam um posto militar do Hamas. O movimento controla a área desde 2007 e Israel o considera responsável pelos ataques provenientes da região.

O ataque aconteceu horas depois que o Exército israelense relatou o lançamento de quatro foguetes da faixa, dois dos quais foram interceptados pelo sistema de defesa aérea Cúpula de Ferro, enquanto os outros dois atingiram áreas despovoadas.

Embora não tenham sido relatados feridos em nenhum dos incidentes, fontes na Faixa de Gaza relataram que o posto militar impactado do Hamas foi seriamente danificado.

É o primeiro incidente do tipo neste ano, depois que Israel interceptou um incêndio que forçou a retirada do primeiro-ministro interino Benjamin Netanyahu de um evento do seu partido, o Likud, na cidade de Ashkelon. O incidente ocorreu em 25 de dezembro, e depois dele o exército israelense também reagiu bombardeando alvos militares do movimento islâmico no enclave.

Episódios esporádicos de violência ocorreram na Faixa de Gaza desde a assinatura de um cessar-fogo em 16 de novembro, após uma recente escalada militar em que 36 pessoas foram mortas, 20 civis e 16 milicianos.

Enquanto isso, o Egito e as Nações Unidas estão trabalhando para conseguir uma trégua de longo prazo entre Israel e o Hamas, que desde 2007 controla o enclave onde vivem 2 milhões de pessoas.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: