Justiça suspende festa com shows de Jorge & Mateus e Henrique & Juliano em Osasco

Evento anunciava presença de diversos artistas em alta (Foto: Divulgação/Festa do Peão de Osasco)Evento anunciava presença de diversos artistas em alta (Foto: Divulgação/Festa do Peão de Osasco)

Evento anunciava presença de diversos artistas em alta (Foto: Divulgação/Festa do Peão de Osasco)

O Tribunal de Justiça de São Paulo (TJ-SP) suspendeu a realização da Festa do Peão de Osasco, que aconteceria entre os dias 11 e 25 de novembro, na Grande São Paulo. A medida foi solicitada pelo Ministério Público porque o evento teria deixado de cumprir exigências de segurança.

A festa tinha nomes famosos do sertanejo com participação confirmada e já havia iniciado a venda de ingressos, tanto pela internet como presencialmente. Simone & Simaria, Jorge & Mateus, Guilherme & Santiago, Henrique & Juliano, Matheus & Kauan e até o DJ Alok eram algumas das atrações.

O evento foi suspenso por determinação do juiz José Tadeu Picolo Zanoni até “o pleno, cabal e completo” atendimento das exigências de segurança da Polícia Militar. Segundo o magistrado, relatório da PM apontou problemas como a falta de Auto de Vistoria do Corpo de Bombeiros e do alvará do Juízo da Infância, e o bloqueio de uma via de acesso.

A Justiça já havia determinado a suspensão da festa anteriormente, mas, como os organizadores deram continuidade à venda de ingressos, o MP entrou com um novo pedido. Desta vez, a liminar fixou uma multa diária em caso de descumprimento: R$ 1 milhão por dia, até o máximo de R$ 5 milhões.

O G1 tentou localizar os organizadores da Festa do Peão de Osasco para comentar a decisão do TJ, mas não obteve sucesso.

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*