Local de lazer no Ibirapuera: Gestão Doria infla valor de doação de empresa a praça em São Paulo

  • Renzo Grosso/Divulgação

    Escultura em homenagem ao piloto Ayrton Senna, transferida para praça no Ibirapuera

    Escultura em homenagem ao piloto Ayrton Senna, transferida para praça no Ibirapuera

O prefeito de São Paulo, João Doria (PSDB), inaugurou nesta segunda-feira (1º) a praça Ayrton Senna do Brasil, novo nome para o Modelódromo do Ibirapuera. 

A proposta da prefeitura de criar num novo ponto turístico na capital paulista homenageando o piloto de Fórmula 1 morto em 1º de maio de 1994 atraiu o interesse de empresas em custear a revitalização.

Três firmas decidiram custear a obra, orçada inicialmente em R$ 350 mil pela Secretaria Municipal de Esportes. 

Nesta sexta-feira (28), porém, a edição digital do “Diário Oficial da Cidade de São Paulo” apresentou um valor 100% maior.

De acordo com a publicação, a obra custou R$ 700 mil à concessionária Agulhas Negras BMW, à rede de petshop Petz e ao escritório do paisagista Benê Abbud. Mas o valor foi “exagerado” pela prefeitura, conforme apurou o UOL, porque as empresas não reconhecem o valor como sendo o que foi efetivamente gasto por elas.

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*