Rússia: passageiros falam sobre pânico durante pouso em milharal

Um avião precisou fazer um pouso forçado na Rússia nesta quinta-feira (15) depois de ser atingido por um bando de pássaros. Segundo os passageiros, o voo durou menos de dois minutos 

Os pilotos precisaram desligar as turbinas durante a aterrissagem e conseguiram salvar os 233 passageiros que estavam a bordo. Pelo menos 74 pessoas, incluindo 19 crianças, tiveram ferimentos e seis foram hospitalizadas

Com o pouso, as esteiras infláveis de fuga foram ativadas e as 233 pessoas que estavam a bordo conseguiram deixar a aeronave

Vitya Babin, de 11 anos, disse em entrevista à mídia russa que os passageiros não foram avisados do que estava acontecendo e nem que eles teriam que pousar 

“Uma das aeromoças disse que tinha fumaça saindo do avião e nós entramos em pânico na hora. Corremos atrás de um dos homens e ele me disse para segui-lo”, contou

Um passageiro, que não teve a identidade divulgada, disse na televisão estatal que o avião começou a chacoalhar momentos depois da decolagem. “Cinco segundos depois, as luzes do lado direito começaram a piscar e tinha cheiro de queimado. Nós pousamos e todo mundo correu”, disse

O acidente já está sendo chamado pela mídia local de “o milagre de Ramensk”, nome do distrito em que o avião pouso e que fica a cerca de um quilômetro de distância do Aeroporto Internacional de Zhukovsky

O piloto, Damir Yusupov, já está sendo tratado como herói por ter conseguido aterrissar em segurança e salvar os 233 passageiros

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: